RC Elvas – jogos @1 e 2 de Dezembro

Sub 16: RC Elvas 10 x St. Julians 17

Realizou-se, na passada sexta-feira, mais um jogo do campeonato nacional de sub 16 grupo B.

O RCE recebeu o 1º classificado deste grupo e deu uma boa réplica podendo inclusive ter vencido o jogo.

Foi um jogo bastante equilibrado contra o colégio de St. Julians, equipa mais rotinada e experiente.

A primeira parte foi de grande equilíbrio como demonstra o resultado de 7-5 para o RCE.

Na 2ª parte, a equipa da casa entrou melhor e colocou o resultado em 10-5, dando a sensação que poderia vencer o jogo. No entanto, os minutos finais foram dominados pelo St. Julians que conseguiram dar a volta ao jogo colocando o resultado final em 10-17.


Sub 18: RC Elvas 12 x Caldas 62

Os sub 18 também jogaram no feriado de sexta feira. A equipa elvense defrontou o Caldas e sofreu uma pesada derrota.

A 1ª parte do jogo foi equilibrada. Depois do Caldas se ter adiantado no marcador 0-5, o RC Elvas reagiu e deu a volta ao marcador através de dois ensaios colocando o resultado em 12-5.

No entanto, ainda antes do intervalo, o Caldas reagiu e passou para a frente do marcador.

A 2ª parte foi de sentido único e a superioridade do Caldas  foi por demais evidente, quer  no plano individual, quer no plano coletivo, terminando o jogo com um desnivelado 12-62.


Seniores: RC Elvas 11 x CRAV 49

No sábado, a equipa sénior do RC Elvas recebeu o CRAV, da CN2, para a 3ª eliminatória da taça de Portugal.

O jogo começou bastante equilibrado e, nos primeiros 20 minutos, o marcador não registou qualquer ponto.

Aos poucos, o maior ritmo competitivo da equipa da visitante foi vindo ao de cima, e a equipa da casa pagou fatura do baixo ritmo competitivo da divisão em que participa.

Até ao intervalo, o jogo manteve-se equilibrado, no entanto cada falho elvense era de imediato aproveitado pela equipa visitante para materializar em pontos.

Assim, chegou-se ao intervalo com o resultado de 3-21, que na altura era algo penalizador para o RCE.

A equipa elvense entrou mal na 2ª parte e os  primeiros 20 minutos deitaram tudo a perder, sofrendo, nesta fase, 3 ensaios que distanciaram definitivamente o marcador.

Este jogo serviu para a equipa elvense perceber as diferenças entre estas duas divisões, registando-se um ritmo competitivo completamente diferente.

Para terminar, realçar que este foi mais um fim-de-semana em que o RCE colocou  cerca de 70 jogadores em atividade, em 3 campeonatos nacionais.

Nuno Carvalho